Ação policial conjunta prende quadrilha envolvida em assalto

crimeroubo_extrema crimeroubo_extrema crimeroubo_extrema crimeroubo_extrema crimeroubo_extrema crimeroubo_extrema
A população de Extrema tem ficado apreensiva com uma série de roubos ocorridos desde o início do ano. A sensação de sossego que é comum aos cidadãos de Extrema vez ou outra é abalada pela notícia de um roubo na cidade. As Polícias Militar e Civil tem trabalhando incansavelmente para tirar de circulação os cidadãos infratores e garantir o sossego e a tranquilidade da cidade, que tem recebido pessoas de outras localidades, muitas vezes pessoas que já tiveram envolvimento com o crime e veem na cidade a possibilidade de delinquir sem serem identificados.

No dia 17 de março, mais um estabelecimento comercial foi assaltado em plena luz do dia.  Desta vez, com a colaboração da população que forneceu informações, foi possível uma atuação rápida da Polícia Militar, juntamente com a Polícia Civil, que conjuntamente conseguiram fechar o cerco à quadrilha, em um trabalho contínuo de mais de 20 horas, resultando na prisão dos autores e recuperação dos objetos roubados.

O Crime

No dia 17 de março de 2014, às 8h30min da manhã, a Polícia Militar foi solicitada a comparecer em uma escola de informática, no Centro. No local, as vítimas informaram que três indivíduos entraram na recepção da escola anunciando o assalto, perguntando por uma pessoa específica, da qual tinham informações que possuía uma alta soma em dinheiro. A pessoa que eles procuravam mora em uma casa ao lado da escola, tendo acesso por ela.
Os ladrões conseguiram localizar a pessoa que procuravam e, de posse de um revólver, obrigaram a vítima a entregar a quantia de R$ 1.600,00, que estava em uma bolsa.

Após pegarem o dinheiro, os autores saíram do estabelecimento, levando também notebooks e celulares, sendo que testemunhas presenciaram o momento em que os autores entraram em um veículo gol, de cor preta, que estava estacionado nas proximidades, empreendendo fuga.

Rastreamentos

A Polícia Militar já tinha conhecimento desde o final de semana que um veículo de cor preta, furtado em Itatiba, estaria na cidade em posse de um cidadão conhecido pela prática de crimes. A informação foi passada à Polícia pela própria mãe do suspeito, que entregou o filho à PM.

Na casa dele, no Bairro Tenentes I, a polícia localizou também mais dois cidadãos conhecidos por práticas criminosas anteriores. Com as informações das características passadas pelas vítimas, a PM prendeu um quarto infrator, suspeito do envolvimento no roubo, localizando uma parte do dinheiro roubado, contudo, mesmo reconhecidos por testemunhas, os suspeitos continuavam negando seu envolvimento com o crime.

No início da noite, após receber novas denuncias foram feitos levantamentos e foi localizado o veículo, que fora abandonado na zona rural de Extrema, confirmando as suspeitas da Polícia, já que alguns dos detidos teriam sido transportados de táxi a partir da região onde foi localizado o veículo.

A partir das investigações realizadas pela Polícia Civil, chegou-se à informação do nome de mais um suspeito, que foi abordado por volta das 20 horas em frente à Escola Estadual Odete Valadares, por Policiais Militares que estavam de folga e tinham conhecimento da descrição do suspeito. Este suspeito preso confessou o seu envolvimento com o roubo e indicou três dos suspeitos detidos anteriormente como comparsas no crime, além de informar a localização da arma utilizada no crime e dos objetos roubados. O suspeito informou também às polícias o nome de um quinto envolvido no roubo, que foi surpreendido em sua casa e levado à Delegacia de Polícia.

Dos seis suspeitos conduzidos à Delegacia, cinco participaram diretamente do roubo ao estabelecimento comercial, sendo que o sexto conduzido não teve participação direta no crime, mas foi um dos autores que trouxe o veículo Gol, furtado da cidade de Itatiba, crime que também será investigado pela Polícia Civil.

Resultado da operação

Após o intenso trabalho policial, foram presos quatro autores do roubo e apreendido um menor, que participou do crime, além de apreender um revólver calibre .32, com três munições intactas e uma deflagrada. Foram recuperados também grande parte do dinheiro roubado, já que os autores tinham gasto parte do montante, três notebooks e cinco aparelhos de telefone celular de várias marcas e modelos.

A Polícia Civil busca ainda identificar a participação dos envolvidos em outros roubos recentes na cidade de Extrema e região. Suspeita-se que pelo menos dois dos suspeitos tiveram participação em um roubo ocorrido em um posto de combustíveis no Centro da cidade.

Fonte: 27ª Cia PM Ind

Pin It

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Protected by WP Anti Spam