Energisa investe cerca de 14 milhões na construção de Subestação de energia e Linha de Distribuição em Extrema

 Fase de execução da obra de linha de distribuição promoverá intervenções em algumas vias da cidade e áreas rurais

Com o objetivo de aumentar a capacidade energética de Extrema e também a confiabilidade de disponibilidade de energia, a Energisa Sul-Sudeste deu início a construção de uma nova linha de distribuição de 138 mil volts e também a sua segunda Subestação (SE) no município: a SE Extrema II, totalizando um investimento de cerca de R$14 milhões, beneficiando mais de 18 mil clientes já em 2020.

A futura subestação ficará localizada no bairro Pires, em Extrema. “A nova subestação será equipada com tecnologia de ponta, totalmente automatizada, o que trará maior segurança operacional e mais rapidez no restabelecimento da energia em momentos de emergência, como por exemplo, durante eventos climáticos mais intensos”, destaca Gabriel Alves Pereira Junior, diretor-presidente da Energisa Sul-Sudeste.

A nova linha de distribuição terá uma extensão de 4,1 km e passará pelos bairros Pires e Godoy, e também as margens da Rodovia Fernão Dias. Ela interligará a nova subestação ao sistema elétrico já existente no município e criará uma nova alternativa de distribuição de energia para a cidade. “A construção da nova linha representa mais um grande investimento da Energisa Sul-Sudeste para Extrema e para o sul de Minas Gerais. Ela fará a interligação da nova SE e de todo o sistema elétrico da cidade, ou seja, teremos muito confiabilidade operacional. Caso algum problema aconteça em nossa rede elétrica, estaremos prontos para atender com o nosso sistema interligado, impedindo que o nosso cliente fique por muito tempo sem energia.  Será um grande reforço energético para o município”, destaca Gabriel Alves Pereira Junior, diretor-presidente da Energisa Sul-Sudeste.

Importante destacar que as obras estão a todo vapor e seguem as mais modernas técnicas de construção e todos os protocolos existentes na legislação ambiental e nas normas de segurança.

Fase de obras da linha de distribuição resultará em intervenções em algumas vias urbanas

Durante a execução das obras serão realizadas algumas intervenções em trechos das vias por onde a linha de distribuição será construída. Os locais contarão com sinalização para garantir a segurança da população e possibilitar a intervenção dos profissionais envolvidos na construção do empreendimento.

“Como se trata de uma obra de grande porte será necessário promover intervenções em algumas ruas em determinados momentos durante a fase de execução. Isso poderá gerar algum impacto de mobilidade. Desde já pedimos a compreensão dos moradores que se localizam nestes trechos. Sabemos que a rotina sofrerá algumas alterações, mas elas são necessárias para que o serviço seja realizado com segurança para quem trafega pela região e também para as equipes de trabalho envolvidas no projeto”, enfatiza Gabriel.

Durante as escavações e implantação das estruturas da LD alguns guindastes e caminhões de grande porte irão ocupar momentaneamente algumas ruas. Para reduzir o impacto, a empresa irá programar com a Secretaria Municipal de Trânsito, os horários de interrupção ou desvio do trânsito em cada local e, sempre que necessário, a distribuidora irá proceder avisos antecipados à população.

Em breve a população de Extrema contará com uma melhora significativa no serviço de distribuição de energia e o sacrifício momentâneo valerá a pena”, esclarece Gabriel. Os moradores que residem nas proximidades do local que a LD será erguida, receberão todas as informações pertinentes ao empreendimento”, explica Gabriel.

Confira as ruas da nova LD: Rua Antonio Pereira Passos, Rua Maria Inês de Souza, Rodovia Fernão Dias e Estrada Bairro Godoy.

energisa

Histórico de investimentos em Extrema e região

A empresa já realizou diversos investimentos e melhorias no sistema elétrico que abastece a cidade Extrema e municípios vizinhos.  Nos anos de 2017 e 2018, por exemplo, a empresa modernizou com a troca de equipamentos a Subestação Extrema, atual estrutura que atende o município.

Já em 2019, a empresa entregou a Linha de Distribuição de Alta Tensão de 138 mil vots, com cerca de 22 Km de extensão, que interliga a Subestação Bragança II ao município de Extrema. Ela representa, atualmente, uma alternativa de alimentação para a atual subestação de Extrema e duplicou o número de circuitos de fornecimento de energia para os municípios de Vargem, Extrema, Toledo, Munhoz, Itapeva e Camanducaia.

“A prioridade da empresa é oferecer um serviço cada vez melhor aos clientes, garantindo uma oferta de energia permanente e segura, levando bem-estar à população. Todas essas obras idealizadas pela empresa têm como único objetivo melhorar a qualidade do fornecimento para os nossos clientes. Elas contribuirão de maneira significativa para desenvolvimento econômico e social, sendo de extrema importância para os todos os nossos consumidores, incluindo indústrias, comércio e poder público”, finaliza o diretor-presidente.

Fonte: Energisa

Pin It

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Protected by WP Anti Spam