Prefeito Silvino Cintra apresenta política fiscal e contenção de gastos

01

O prefeito de Piracaia, Silvino Cintra, reuniu os funcionários e imprensa na noite de quinta-feira, dia 05 de janeiro na Câmara Municipal, para apresentar a realidade financeira da cidade e o plano de contenção de despesas durante sua gestão.

Com o plenário lotado, Silvino mostrou que foi deixada uma dívida do município, segundo a área contábil, de cerca de R$ 9,3 milhões. Além disso, a folha a ser paga em janeiro é de pouco mais de R$ 2,2 milhões. No caixa da prefeitura tem R$ 1,5 mi, vindos da repatriação e de outras fontes.

Silvino também comentou que irá valorizar os funcionários públicos, revisar o estatuto, estudar o plano de carreira, melhorar condições de trabalho e integrar departamentos aprimorando a comunicação. “A minha prioridade é a folha de pagamento. Não farei nenhuma negociação sem antes pagar os funcionários”, afirmou.

Sobre as metas para a gestão, o prefeito salientou que é preciso resgatar a credibilidade da prefeitura e recuperar o potencial de compra por meio de uma política fiscal para equilibrar as contas. “Vamos estruturar os investimentos para aumento de receita e para gerar perspectivas futuras”.

Por fim, Silvino reiterou que vai fazer um mandato participativo. “Os gabinetes do prefeito e do vice-prefeito, André Rogério, estão abertos a todos e conto com a colaboração dos funcionários”.

Realidade financeira

O município de Piracaia acumula uma dívida de R$ 9,3 milhões. A maior delas (R$ 2,5 mi) é com a empresa de coleta de lixo e varrição de rua, serviço interrompido na gestão anterior. No início do mandato, Silvino Cintra e André Rogério já se reuniram para negociação e firmaram o compromisso da volta da limpeza o mais rápido possível.

Além disso, há dívidas como o parcelamento do Piraprev (Instituto de Previdência dos Servidores Públicos), iluminação pública, transporte escolar, postos de combustível, entre outras.

Já em relação à folha de pagamento, Silvino afirmou que conta com o dinheiro do Fundeb para cobrir o déficit de cerca de R$ 658 mil. De acordo com o prefeito, foi orçado R$ 14,6 milhões do Fundeb, mas irá entrar em 2017 por volta de R$ 12,3 mi. Silvino se comprometeu em fazer os acertos salariais até o dia 11 de janeiro.

Contenção de gastos

Silvino reiterou que irá tomar medidas drásticas para conter as despesas no município. Além da colaboração de todos os funcionários na economia, o prefeito assinou um decreto que regulamenta a contenção de gastos, como redução das despesas de custeio, horas extras, controle rigoroso de linhas telefônicas, redução do consumo de energia de luz e água, controle da aquisição de materiais de gabinete, entre outros.

Além do decreto, Silvino mostrou a redução de cargos comissionados (de 27 para 14), o que irá gerar uma economia de R$ 3 milhões no mandato. A redução dos salários de alguns assessores também foi colocada em pauta, com uma economia no quadriênio de R$ 772 mil.

Por fim, o prefeito falou sobre a dívida ativa do município, que é em torno de R$ 14 milhões. Boa parte da dívida já está em Execução Fiscal e a meta para o primeiro trimestre é finalizar as execuções antigas.

03

Fonte: Ascom/Prefeitura de Piracaia

Pin It

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Protected by WP Anti Spam