Camanducaia tem proposta apresentada ao Parlamento Jovem de Minas aprovada na íntegra na Plenária Estadual

20431617_697066553819702_629642977761782800_n

Proposta do STF – Supremo Tribunal Filosófico será encaminhado à Comissão Popular para elaboração de um Projeto de Lei Estadual

 

O município de Camanducaia pode comemorar a participação efetiva dos jovens do Parlamento Jovem de Minas 2017, pela primeira vez no Projeto, e já deixaram sua marca na Plenária Estadual ocorrida nos dias 20, 21 e 22 em Belo Horizonte, já que uma das 17 propostas aprovadas no documento oficial, é fruto do trabalho destes jovens sob a coordenação da Câmara Municipal.

O Projeto é uma parceria entre a Escola do Legislativo, Puc Minas e Câmaras Municipais e em Camanducaia foi implantado este ano pela Câmara sob a coordenação da Assessora de Comunicação Dilma Lopes, que também coordena a Câmara Mirim Municipal, e que ao longo deste ano percorreu todas as escolas do município e Distritos motivando os jovens do ensino médio a participar do Projeto. Formou-se então um grupo de 12 jovens que receberam ao todo 16 oficinas de formação cidadã e temática, onde aprenderam desde a formação dos poderes até a dinâmica de propostas sobre o tema “Educação Política nas Escolas”, tema deste ano.

Em julho, os jovens realizaram a plenária municipal com 7 propostas, onde priorizaram três para serem levadas à Plenária Regional, que foi realizada em agosto, onde, com mais 14 municípios do sul de Minas votaram e priorizaram seis para serem apresentadas na Estadual, dentre as quais uma delas era a proposta do Supremo Tribunal Filosófico.

Na Estadual foram ao todo 79 propostas analisadas por 119 jovens do Estado de Minas Gerais e destas apenas 17 foram aprovadas para o documento oficial, sendo que a proposta dos jovens de Camanducaia foi aprovada sem nenhum destaque, ou seja, em seu texto original.

O STF – Supremo Tribunal Filosófico recebeu apoio e aplausos dos estudantes na plenária na hora da votação, e a proposta visa a “implantação, pela Secretaria de Estado de Educação, do projeto Supremo Tribunal Filosófico, que foi de iniciativa da estudante da Escola Virgínia Marcondes Escobar do Distrito de São Mateus Carina Cortello, e criado pelo professor Eliton da Costa Rocha. A proposta, visa ampliar o espaço de debates através de um tribunal anual nas escolas onde temas serão explorados e debatidos entre os alunos, sempre com o objetivo de melhorar a prática pedagógica, o desempenho dos alunos e o gerenciamento das escolas.

Para a coordenadora Dilma Lopes foi muito gratificante, “por ser o primeiro ano participando do PJ, eu considero uma grande conquista, é o prêmio e a realização de muito trabalho, e mesmo com todos os obstáculos que enfrentamos conseguimos chegar onde chegamos, só tenho a agradecer”.

O PJ Minas 2017 de Camanducaia formado pelos estudantes Carina, Maria Lua, Natália, Stefany, Francislaine, Santiago, Fabiano, Victor Hugo, Michel, Maicon, Kauan e Lucas trabalharam o tema durante seis meses e mesmo com todas as dificuldades, pois a maioria são dos Distritos e tinham que se deslocar toda semana para as oficinas, estão de parabéns pelo desempenho e dedicação. As meninas Maria Lua e Carina representaram o PJ em Belo Horizonte e também brilharam no desempenho e defesa do projeto.

O presidente Serginho, o maior incentivador do Projeto se sente agraciado com esta vitória, “Parabéns aos jovens de Camanducaia pelo esforço e desempenho nas atividades, parabéns a coordenadora Dilma Lopes pelo esforço e dedicação ao Projeto, aos colaboradores, patrocinadores, ao apoio dos demais vereadores e a todos que fizeram deste projeto uma realidade, pois este resultado significa que estamos no caminho certo.”, enfatiza Serginho.

Ascom Câmara Camanducaia

plenaria3

Pin It

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Protected by WP Anti Spam