Projeto de eficiência energética cadastra clientes na tarifa social, troca lâmpadas e faz palestras em escola

energisa

Extrema recebe, entre os dias 26 a 30 de novembro, o projeto “Nossa Energia”, da Energisa Sul-Sudeste, concessionária responsável pelo fornecimento de energia a 44 municípios dos estados de São Paulo, Sul de Minas Gerais e Paraná. O objetivo é disseminar o uso consciente e seguro de energia elétrica. A iniciativa leva conhecimento sobre eficiência energética para toda a população e cadastra clientes no benefício da Tarifa Social de Energia Elétrica para que tenham descontos na conta de luz.

Um caminhão do projeto chegará à cidade no dia 26, e equipes da empresa parceira da concessionária visitarão bairros já mapeados pelo projeto, para fazer a inscrição dos clientes na Tarifa Social. Os clientes que se encaixarem no benefício, poderão trocar até quatro lâmpadas incandescentes ou fluorescentes compactas por quatro lâmpadas de LED disponibilizadas pela Energisa Sul-Sudeste.

O caminhão também vai levar palestras a estudantes de Extrema, na Escola Municipal Osvaldo de Oliveira, no Bairro Roseira, entre os dias 27 e 29. O veículo do projeto é climatizado e adaptado para se transformar em uma espécie de laboratório, com aparelhos de alta tecnologia e que mostram como utilizar a energia elétrica de forma correta. A lateral do baú do veículo se expande e se transforma em uma sala de aula, com projetor multimídia, incluindo projeções interativas, jogos sobre geração de energia e consumo consciente, e a realização de experiências. Serão oito palestras por dia, sendo quatro de manhã e quatro à tarde, com até 30 alunos por turma. Com isso, cerca de 720 estudantes poderão receber informações relevantes sobre economia de energia e replicá-las dentro de suas casas.

“O novo ‘Nossa Energia’ está mais próximo da população. Além do cadastro, troca de lâmpadas, visitaremos as casas já mapeadas junto às secretarias de Assistência Social de cada cidade e faremos palestras para os alunos da rede municipal e estadual de ensino. Nosso objetivo é propagar cada vez mais o uso correto e seguro de energia elétrica”, destaca Thiago Peres de Oliveira, engenheiro eletricista e responsável pelo projeto.

Vale lembrar que, para poder se cadastrar na Tarifa Social de Energia Elétrica, é necessário que o cliente esteja em dia com as contas de energia, tenha o benefício social do Governo Federal e renda per capita de até meio salário mínimo. “Estes pré-requisitos são definidos pelo Governo Federal, e os pedidos de cadastro passam por uma análise antes da confirmação do benefício. E mais, durante a visita da empresa parceira da Energisa Sul-Sudeste, o cliente precisa ter em mãos um documento pessoal com foto e uma conta de luz”, enfatiza Thiago.

Para a troca das lâmpadas LED e cadastro na tarifa social, serão necessários os seguintes documentos:

– Conta de energia;

– RG e CPF,

– Cartão Bolsa Família ou cartão cidadão ou Número do NIS, ou seja, BPC;

– 5 Lâmpadas novas, usadas ou queimadas (fluorescente compacta ou incandescente compacta).

 

O projeto “Nossa Energisa” faz parte do Programa Energia Eficiente, da Energisa Sul-Sudeste, seguindo as normas da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), por meio do Programa de Eficiência Energética (PEE).

 

Pin It

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Protected by WP Anti Spam