Vereadores aprovam nas sessões ordinárias projetos de habitação e de incentivo à educação municipal de Extrema

vereadores 2

Aconteceram na segunda-feira (16/7) a 18ª Sessão Ordinária e a 5ª Extraordinária da Câmara dos Vereadores de Extrema/MG. Estavam presentes nas pautas das duas sessões três indicações que tratam da adequação e planejamento das estruturas das vias públicas (construção de ciclovia entre os Portais Norte e Sul), da mobilidade urbana (construção de calçadas na Avenida Delegado Waldemar Gomes Pinto) e do incentivo ao funcionalismo público (revisão sobre a perca do cartão vale cesta dos servidores da Prefeitura, no caso de afastamento médico).

VEREADORES VOTAM POR MAIS HABITAÇÃO E MERENDA ESCOLAR

Outras pautas importantes que estavam presentes na Ordem do Dia foram as dos Projetos de Leis Nº 2.653 (dispõe sobre a doação de área à Companhia de Habitação do Estado de Minas Gerais – COHAB), Nº 2.667 (autoriza o Poder Executivo a assinar convênio com o Tribunal de Justiça do Estado de Minas Gerais), Nº 2.668 e Nº 2.669 (que destina repasse de gêneros alimentícios às escolas estaduais).

O Projeto Nº 2.653 refere-se à doação de área para a construção de unidades habitacionais no bairro da Ponte Nova, próximo à Praça dos Três Poderes, e levará o nome de Residencial Ipê Amarelo. O terreno tem 3.018,30m2 e será destinado à construção de 48 casas. “É mais um empreendimento do programa municipal de habitação, em parceria com a Caixa Econômica Federal (CEF), que visa diminuir o déficit no município e ajudar o cidadão a comprar a tão sonhada casa própria”, contou o presidente do Legislativo, vereador Edvaldo de Souza Santos Junior – Juninho da Dello.

Já o Projeto Nº 2.669 defende a ideia de levar mais alimentação aos alunos da rede estadual de ensino. Todos os vereadores foram favoráveis ao aprovar a proposta que irá repassar R$ 230.177,40 às Escolas Estaduais “Odete Valadares” e “Alfredo Olivotti”, pois a verba vinda do Estado é insuficiente para alimentar os alunos da rede estadual.

MAIS CASAS NA ROSEIRA

Outro projeto aprovado pelos vereadores foi o de Nº 2.642, que dispõe sobre a construção de novas unidades habitacionais no bairro da Roseira. Lá serão construídas __casas numa área total de 50.300,50m2, nas proximidades das Ruas José Lamartine de Oliveira com a Alameda Jacarandá. “Precisamos apoiar os projetos que tratam da construção de mais moradias para as nossas famílias. Extrema é uma cidade que cresceu bastante nos últimos anos e paralelo ao progresso, aumentou o déficit habitacional. Por isso precisamos estar ao lado do cidadão na busca pela casa própria – o que trará mais comodidade, bem estar e uma vida mais digna para toda a família”, disse Juninho.

As sessões foram acompanhadas pelo vereador Luiz Fernando Ferreira – Mantega, vice-presidente do Legislativo, Leandro Marinho, 1º secretário, Telma Aparecida Maciel, 2ª secretária, Danilo de Morais, Dr. Roberto de Cunto, João Calixto de Morais, Pastor René Cursino, Pericle Mazzi Filho – Pepi, Sidney Soares de Carvalho – Walderrama, e Rafael Silva de Souza Lima – Tita. Quem usou a tribuna no Expediente do Dia foram João Calixto, Danilo de Morais e Mantega. Já na Ordem do Dia foi a vez dos edis Danilo e Leandro Marinho.

PRÓXIMA REUNIÂO

A Câmara de Extrema entra em recesso e a 19ª Sessão Ordinária está agenda para 19h30 da segunda-feira (6/08). A reunião será transmitida ao vivo pela TV Câmara. Mais informações estão no site www.camaraextrema.mg.gov.br

Pin It

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Protected by WP Anti Spam