Dia Internacional das Mulheres em TIC será comemorado no Inatel

site-mulheres-tic

3 dias de atividades direcionadas ao público feminino marcam as comemorações

Em uma área tipicamente masculina, as mulheres buscam cada vez mais se firmar e mostrar sua importância para o mercado de engenharia. Pensando nisso, o International Telecommunication Union – ITU organização ligada à ONU que regulamenta as telecomunicações internacionais, criou o Dia Internacional das Mulheres em TIC.

O “Girls in ICT Day”, que acontece esse ano no dia 27 de abril, é a oportunidade para as mulheres vivenciarem a tecnologia como um novo caminho, defender os interesses e oportunidades e incentivá-las a escolher uma carreira profissional neste setor. Até hoje, mais de 240.000 meninas e mulheres participaram de mais de 7.200 celebrações do Dia Internacional das Mulheres em TIC em 160 países.

O Inatel, que desde 2012 celebra essa data, comemorará esse ano em parceria com MCode, uma comunidade criada em Santa Rita do Sapucaí, que conta com a participação de alunas do Instituto e tem como objetivo dar ferramentas e incentivar a participação de mulheres na área de tecnologia e desenvolvimento, além de promover a integração entre as profissionais da área na cidade com outras Brasil e mundo a fora.

O primeiro evento em comemoração ao dia será uma roda de conversa com mulheres que já atuam na área e possui muita experiência. Professoras, desenvolvedoras e especialistas em relação internacional estarão batendo um papo com alunas e interessadas na área de TIC. A roda de conversa acontece no dia 25 de abril, no laboratório de Ideação. As inscrições podem ser feitas até dia 24 na página da comunidade no facebook. (www.facebook.com/MCodeSRS )

Outra atividade será realizada dia 27 de abril. O Observatório de Empreendedores terá o tema ligado à semana com especialista falando sobre a presença da mulher na área de TIC. Já no dia 28, a atividade será específica às alunas do projeto social do Inatel, Cas@Viva e alunas da Escola Técnica de Eletrônica Francisco Moreira da Costa – ETE FMC. Na ocasião as alunas irão realizar um tour pelo Inatel para conhecer as áreas de tecnologia e saber como é o dia a dia da mulher em TIC.

Mulheres no Inatel

A presença das mulheres nos cursos oferecidos pelo Inatel também tem crescido significativamente. Hoje o Instituto conta com 372 alunas que representam 23,8% do total de estudantes de graduação e são maioria no curso de Engenharia Biomédica. As mulheres também representam 23,3% do total de alunos do mestrado e 12,5% dos matriculados em pós-graduação.  O Inatel oferece sete cursos de graduação (Engenharia Biomédica, Engenharia de Controle e Automação, Engenharia da Computação, Engenharia de Telecomunicações, Curso Superior em Tecnologia em Automação Industrial e Curso Superior em Tecnologia em Gestão de Telecomunicações), além de pós-graduação lato sensu e Mestrado em Telecomunicações.

Uma curiosidade: Você sabia que o primeiro programador da história foi uma mulher, Ada Lovelace, e que o seu nome é usado num prêmio para mulheres em informática e, também, como nome de uma linguagem de programação? Com o seu talento, Ada aplicou imaginação poética à ciência e teve um papel fundamental no início da era digital.

Fonte: Ascom/Inatel

Pin It

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Protected by WP Anti Spam