Grupo folclórico da Letônia, terra do fundador de Monte Verde, participará do Festival de Inverno do distrito

 

O Festival de Inverno de Monte Verde terá a apresentação de três integrantes do grupo Tarkšķi: a líder do grupo Kristīne Karele; Laura Arāja e Sandis Karelis. O fundador de Monte Verde, Verner Grinberg, veio da Letônia em 1913 e deu para Monte Verde muito mais do que seu nome, deu sua identidade. Verner, que conheceu Monte Verde em 1938, em viagem de lua de mel, encantou-se por essas terras e começou a história do distrito, que oficialmente, surgiu em 1950 com a venda dos primeiros lotes para outros letos que foram chegando.

Tarkšķi é um grupo folclórico da cidade de Iecava que está a aproximadamente 40 km da capital da Letônia Riga. É formado por 90 participantes com idade entre 3 e 45 anos, a maioria crianças mas também possui um grupo familiar onde os adultos e as crianças participam juntos. Eles tocam diversos instrumentos musicais como violas, kokles, flautas, cítaras, bandolins, gaitas; cantam músicas letas; ensinam danças letas e de outros países.

O grupo vem ao Brasil para participar de vários festivais que juntos celebram as tradições letas, ensinam a preparar comidas letas e a confeccionar trajes típicos, com apoio da Associação Brasileira da Cultura Leta. Participarão da Festa de Ligo, em Nova Odessa, no mês de junho.

Na Letônia a celebração começa na noite do dia 23 de junho e termina no dia 24 com a celebração de Solstício de Verão. Já que o país é localizado muito ao norte, o nascer do sol no dia 24 acontece geralmente às 03 horas da manhã e todos ficam acordados com as fogueiras acessas esperando por esse momento. A origem da celebração vem de antes do cristianismo, quando trabalhadores rurais começaram a comemorar o solstício de verão, que sinaliza a hora certa da colheita das plantações depois do inverno e do degelo da primavera. No calendário do país, além do aniversário as pessoas também celebram o dia de seus nomes. E o dia 23 de junho é o dia do nome Līga, o nome feminino mais popular da Letônia.

Como o festival é muito aguardado, as pessoas se preparam com ansiedade para a ocasião especial. A maioria se veste com roupas típicas e os cômodos das casas e as portas são enfeitados com ramos de bétula, os celeiros e barracões com ramos de sorbus (árvores com pequenas frutas vermelhas) e as casas são limpas e perfumadas com o aromático cálamo. Os homens usam coroas de folhas de carvalho as mulheres usam coroas de flores.

O grupo se apresentará em Monte Verde no dia 04 de julho e fará um workshop gratuito para a comunidade. O Festival de Inverno de Monte Verde é uma realização da Prefeitura Municipal de Camanducaia com apoio do COMTUR e das associações representativas do distrito: Associação Comercial de Monte Verde, Associação de Hotéis e Pousadas de Monte Verde e Comissão Comunitária de Eventos e apresentação da Melhoramentos.

 

Fonte: Secretaria de Turismo de Camanducaia

Pin It

Um comentário em “Grupo folclórico da Letônia, terra do fundador de Monte Verde, participará do Festival de Inverno do distrito

Deixe uma resposta para Ari Cancelar resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Protected by WP Anti Spam