Ex-prefeito de Santa Rita do Sapucaí e cantor são condenados por superfaturamento em show

milionario

A Justiça de Santa Rita do Sapucaí/MG condenou em primeira instância o ex-prefeito Ronaldo de Azevedo Carvalho e Romeu Januário de Matos, vulgo cantor Milionário, por superfaturamento de um show da dupla “Milionário e José Rico”, realizado em 2006. A apresentação foi realizada devido ao aniversário da cidade e teria custado R$ 33 mil, mas foi pago com um cheque da prefeitura no valor de R$ 57 mil. O show da dupla sertaneja aconteceu no estádio municipal da cidade, sendo a principal atração daquela noite.

Em primeira instância o cantor Milionário foi condenado há um ano e seis meses, em regime aberto, porém a pena foi substituída por restrições de direitos e 10 salários mínimos a uma entidade social de Santa Rita. Já o ex-prefeito foi condenado há seis anos em regime semiaberto, mas como ele já ultrapassou a casa dos 70 anos de idade, a pena foi reduzida para cinco anos e oito meses.

Foto: Reprodução

Pin It

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Protected by WP Anti Spam